Jornalistas de Games não querem que o chamemos de socialistas. Problema deles
Games
Uma maneira de caracterizar "fascismo" é definí-lo como "Idolatria ao Estado". De acordo com Benito Mussolini, este sistema politiza tudo que é humano e espiritual: "Tudo para o estado, nada fora do estado, nada contra o estado".

Então quando pessoas que estão de uma necessidade de um helicóptero dizem "as pessoas são políticas" e "Tudo é político" eles estão advogando de maneira nada irônica o Fascismo Cultural. A idéia é que você não deve ser permitido de ter mais privacidade ou fuga da propaganda política. Tudo que você faz no tempo libre, deve ser julgado, colocado em profunda análise e você deve receber consequências se você pisar fora da linha.

Isto é por que eles advogam em empurrar agendas políticas em TODAS as mídias de entretenimento e não apenas políticas mas suas versões dela é claro.

Agora você, como um homem trabalhador que quer apenas jogar um video-game está provavelmente irritado que sua franquia favorita tem a descrição de personagens parecendo como perfil de Grindr (Apex Legends) ou o sacrilégico personagem masculino de raça branca é travado por um sistema de grind ou Pay-Wall (Apex Legends também) ou que sua legião de Romanos é comandado por uma mulher empoderada (Rome Total War 2) ou que o jogo Japonês que você queria jogar tem elementos da história removida na localização (Fire Emblem).

E quando você vai a um forum para falar o quão descontente está você é censurado, banido e chamado de troll. Porque? Porque eles não acreditam que você é genuíno. Eles não acreditam que você atualmente quer política fora dos jogos uma vez que eles são fascistas. Eles pensam que tudo é polítci e se não é a política DELES então é sua e você é obviamente um fascista por querer exibições héterosexista normativas de mulheres em Mortal Kombat ao invés de "uma forte empoderada prostituta como Sheeva" (isto é o que o site Daily Dot chamou ela, olhem para eles não para mim).

E é neste ponto que eu acho que devemos usar suas ideologias contra eles. Se a pessoa é política e tudo é político então vamos deixá-los falarem. Eles não são jornalistas de video-games, eles são socialistas se passando por jornalista de video-games. Quando um cliente fica irritado por receber comentários atrevidos no Twitter de um socialista trabalhando numa companhia de games, quando alguém está furioso que a industria de games ocidentais está morrendo (olhe para a queda da bolsa de valores da EA além de 700 pessoas demitidas na Blizzard) então esta raiva deve ser canalizada para a ideologia responsável por isso, que é socialismo.

E sim eu sei que eles não estão querendo controlar os meios de produção. Eles são na verdade, Marxistas Culturais, do prestigioso culto a intersecionalidade. E deve ser mencionado que nem todos os socialistas são Marxistas Culturais mas todos Marxistas Culturais são socialistas. Entretanto, seria demorado para explicar para uma pessoa comum então a palavra "socialista" é a melhor e mais importante coisa para irritá-los mais do que você imagina, ao ponto que eles escrevem artigos devido a alguns Tweets.

Então se eles querem irritar você com sua moralidade e encher seu entretenimento com sua ideologia cancerígena, então vamos mostrar para as pessoas como irritá-las. Detonem socialismo e dê a ele a péssima representação pública que merece.


Clique para ver a imagem em tamanho original


Você pode ver em meu artigo anterior onde eu expliquei como jornalistas são lambedores de solas de corporações (https://www.oneangrygamer.net/2019/04/editorial-socialists-posing-as-game-journalists-are-nothing-but-corporate-bootlickers/82770/) . Eles são aqueles que absorvem o dano de representação pública que invevitavelmente acontece quando uma companhia decide "lacrar". Pessoas ficam nervosas com as corporações, mas a mídia fazem artigos atacando os gamers e então os jornalistas recebem o contra golpe. Mas se você passar disso, se você for ao fundo de sua ideologia, se você indicar que ISTO É político e é a política DELES, é aí que você os machuca mais.

E lembre-se. Você pode chamar um jornalista de sjw, macho beta, ou o que for. Tudo escorre nele como água numa capa de chuva. Mas chame-o de socialista e você ficará surpreso como ele se recua, quão ferido ele fica, quando ele de repente se dá conta de que "Eu fui descoberto".

Alexandria Ocasio Cortez.
Jornalistas de Games não querem que o chamemos de socialistas. Problema deles
Fonte: Oneangrygamer.
Postado a .
Por MarK.
MarK
Tags: